Estar em casa longe de casa

by - março 06, 2019


"Não tens saudades de Portugal?", "Quando voltas para Portugal?"

São duas das perguntas que mais me fazem. Sejam amigos, familiares ou desconhecidos. Não levo a mal que me perguntem isto mas sinto que as minhas respostas não são bem recebidas. No entanto, quero partilhar com vocês mesmo sabendo à priori que posso criar aqui uma discussão para um dia inteiro.

Em Fevereiro estive uma semana por Portugal. Estive com os meus pais, o meu irmão, a minha gatinha e os meus amigos mais próximos. É óptimo poder estar com aqueles que mais gosto, mas a verdade é que me senti deslocada. Eu estava em casa mas com imensas saudades da Islândia. Garanto-vos que se tiver de comparar as saudades que tinha de Portugal, não consigo. Eu estava em Portugal a pensar "nunca mais é dia de voltar para a minha casa!"

A Islândia é a minha casa. É na Islândia que eu vivo, é na Islândia que eu trabalho e é aqui que me vejo a ficar e a construir vida. Nunca pensei que me fosse apaixonar tanto por este país, mas eu sinto-me tão bem aqui. Talvez seja cedo demais para dizer isto com todas as certezas mas, neste momento, é o que sinto. A vida pode mudar mas não me vejo noutro lado num futuro próximo.

Olho para Portugal como o país onde tenho aqueles que me são mais próximos, onde cresci, onde tenho parte de mim mas é aqui que me sinto bem. Não foi preciso muito tempo para me sentir em casa num país completamente diferente daquele que é o meu berço. Nem todos pensam como eu e muitos daqueles que saem de Portugal só pensam em voltar. Aceito e compreendo mas não eu faço parte desse grupo. Considero-me uma sortuda por me sentir em casa longe de casa. Considero-me uma sortuda por estar num país onde me sinto mesmo bem. Aqui sou e estou feliz. 

Takk fyrir Ísland
(Obrigada Islândia)

Também Podes Gostar De

3 coments

  1. Desejo-te toda a sorte do mundo e muitas felicidades :D Eu não teria a tua coragem de ir morar para tão longe :P

    ResponderEliminar
  2. O que importa é ser feliz, onde quer que seja :)

    Rui Quinta, Rui de Viagem

    ResponderEliminar
  3. E importante ser verdadeiros com nos proprios, e porque nao aceitar que se calhar nao temos so uma casa, mas sim duas ou tres por esse mundo fora? Porque nao? Desde que sejamos felizes tudo o resto e secundario. :)

    ResponderEliminar